30
ago 2017
Concurso PM BA: Divulgado Resultado com recursos passíveis

O Concurso PM BA divulgou o resultado da Prova Objetiva e existem questões que podem ser anuladas
Concurso PM BA divulga resultado da prova objetiva
Concurso PM BA divulga resultado da prova objetiva

Hoje (30/08) o Concurso PM BA divulgou o resultado da prova objetiva. Ao todo, 123.812 pessoas se inscreveram na primeira etapa para concorrer a 2 mil vagas para Polícia Militar e 750 Bombeiros, sendo dividas por seis regiões, capital e interior. A prova objetiva aconteceu no dia 06 de agosto e o gabarito oficial foi divulgado no dia seguinte. A classificação oficial será dada após o período de recurso, que é das 9 horas de 31 de agosto às 19 horas de 01 de setembro. O resultado oficial será dado juntamente com a homologação e prova discursiva (redação).

O Curso Agora Eu Passo (AEP) teve mais de 1000 alunos habilitados na prova objetiva do Concurso PM BA. Os habilitados em ordem de classificação é de acordo com a região escolhida pelo candidato, sendo a seguinte proporção para cada região:

Salvador: 500 Masculino e 26 feminino; Juazeiro: 186 Masculino e 28 Feminino; Feira de Santana: 310 Masculino e 36 Feminino; Ilhéus: 230 Masculino e 20 Feminino; Vitória da Conquista: 212 Masculino e 27 Feminino; Barreiras: 196 Masculino e 20 Feminino; Itaberaba: 185 Masculino e 24 Feminino.
TOTAL DE VAGAS PM: 1.819 Homens e 181 Mulheres
Salvador: 286 Masculino e 29 Feminino; Feira de Santana: 20 Masculino e 03 Feminino: Itabuna: 12 Masculino e 03 Feminino; Ilhéus: 07 Masculino e 03 Feminino;  Porto Seguro: 53 masculino e 06 Feminino; Vitória da Conquista: 46 Masculino e 05 Feminino; Jequié: 07 Masculino e 03 Feminino; Juazeiro: 20 Masculino e 03 Feminino; Itaberaba: 27 Masculino e 03 Feminino; Paulo Afonso: 40 Masculino e 04 Feminino; Santo Antônio de Jesus: 68 Masculino e 07 Feminino; Barreiras: 27 Masculino e 03 Feminino; Teixeira de Freitas: 59 masculino e 06 feminino.
TOTAL DE VAGAS CBM: 672 Homens e 78 Mulheres

⇒ Resultado do CONCURSO PM BA 2017 – LISTA DE APROVADOS –
CLIQUE AQUI

SOBRE O RECURSO

A prova do Concurso PM BA aconteceu domingo (06/08) e no dia seguinte o Gabarito Oficial já foi publicado. No mesmo dia da prova o AEP realizou o evento Gabarito ExtraOficial com a correção das questões. Somente a matéria de Geografia teve divergência nas informações da prova de Soldado, mas nossa equipe de professores constatou que cabe recurso. As questões 22 e 24, de Geografia, têm informações dúbias e podem ser, facilmente, anuladas.

SOBRE O EVENTO
Ontem, o AEP, em parceria com o Alfacon, realizou o evento Gabarito ExtraOficial para o cargo de Soldado. Iniciando às 18 horas e 30 minutos, a correção, AO VIVO, das questões do Concurso PM BA, teve como foco os pontos principais que foram abordados na prova.

O evento contou com participação de vários professores do Curso Agora Eu Passo e do Alfacon Concursos Públicos e Evandro Guedes, professor e CEO do Alfacon.

EQUIPE DE PROFESSORES

Matemática e Raciocínio Lógico: Daniel Lustosa
Língua Portuguesa:
Macedo Martins e Janaína Arruda
Geografia: Ítalo Trigueiro
Atualidades: Júlio Raizer (Che) e Ítalo Trigueiro
História: Nilton Matos
Direito Constitucional: Adriane Fauth
Direitos Humanos: Nilton Matos
Direito Administrativo: Thallius Moraes
Direito Penal: Evandro Guedes e Rafael Martins
Igualdade Racial e de Gênero: Lucas Neto, Rafael Martins e Evandro Guedes
Penal Militar: Lucas Neto
Redação: Janaína Arruda

SOBRE O CONCURSO
O Concurso PM BA Soldado publicou o edital no dia 10 de maio, com 2000 mil vagas disponíveis para o Curso de Formação de Soldado e Corpo de Bombeiros. A remuneração dos cargos tem teto máximo de R$ 3 mil.

A prova aconteceu hoje (06/08), contando com 80 questões de múltipla escolha. Para participar do processo seletivo, o candidato precisou pagar a taxa de inscrição no valor de R$ 70,00, ter entre 17 e 30 anos, possuir o ensino médio e ter sido aprovado nos demais requisitos das etapas do concurso que foram divulgadas no edital.

O concurso PM BA terá um ano de validade, prorrogável por igual período. Dividido em duas etapas, o concurso é realizado pela SAEB e Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC).

Conheça os Cursos de Carreiras Policiais do Agora Eu Passo

saiba mais

SOBRE O RECURSO
Após análise das questões, nosso Professor ÍTalo Trigueiro averiguou que existem duas questões com informações dúbias. Segundo ele, a questão 22 da Prova PM Bahia tem como tema a/o Relevo Brasileiro na classificação de Jurandyr Luciano Sanches Ross e na classificação das unidades de relevo do Brasil, o professor Jurandyr Luciano Sanches Ross (1996) afirma que:

“Para a atual proposta de identificação das macrounidades do relevo brasileiro, elabora por Ross (1989), foram fundamentais os trabalhos de Ab´Saber e os relatórios e mapas produzidos pelo Projeto Radambrasil na série levantamento dos Recursos Naturais. O relevo brasileiro apresenta três tipos de unidades geomorfológicas, que refletem suas gêneses: os planaltos, as depressões e as planícies”. Geografia – São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo, 1995. – (didática; 3) Vários Autores. Livro, pág.52 ISBN: 85-314-0242-5

Ross (1996) afirma ainda que:

“As áreas de representadas por compartimentos de planaltos foram identificadas em quatro grandes categorias: Planaltos em bacias sedimentares; Planaltos em intrusões e coberturas residuais de plataforma; Planaltos em núcleos cristalinos arqueados; Planaltos em cinturões orogênicos.  Independentemente do aspecto estrutural que marca cada uma dessas unidades, elas assumem caráter de formas residuais, pois são circundadas por extensas áreas de depressões; por conseguinte, põem em evidência os relevos mais altos que oferecem maior dificuldade ao desgaste erosivo.  Geografia – São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo, 1995. – (didática; 3) Vários Autores. Livro, pág.52. ISBN: 85-314-0242-5

Já na questão 24 tem como tema a/o Industrialização do Brasil e o Plano de Metas e a criação da SUDENE conseguiram redistribuir a indústria no Brasil, como podemos observar:

“A era Vargas é ponto chave para entendermos as disparidades econômicas entre as regiões brasileiras, temos nessas três décadas um efeito drástico quanto a concentração econômica no Estado de São Paulo e o chamado centro-sul do país, o modelo de industrialização espontânea teve papel intensificador das desigualdades regionais e a falta de uma política incisiva para combater tais desigualdades geraram consequências que durarão por anos. Já no período de Juscelino Kubitschek houve uma quebra de paradigma desse desenvolvimento concentrador e inicia-se um processo de desenvolvimento preocupado em protagonizar os problemas das desigualdades regionais na agenda das políticas públicas.” COQUETI, Willer Nogueira. Um panorama histórico das desigualdades regionais a partir da macrorregião nordeste, 2015

“Segundo Araújo (1997) “Até os anos 50 a economia nordestina acomodava-se lentamente às transformações na economia brasileira, apenas a partir da década seguinte, pós GTDN e SUDENE, com as transferências de capitais produtivos para a região mediante a ação do Estado, na realização de estudos e pesquisa sobre a dotação de recursos naturais da região e na ampliação da oferta de infraestrutura econômica, que tiveram papel importantíssimo tanto no setor industrial quanto no terciário, iniciava-se uma fase de vigoroso dinamismo.” ARAUJO, T.B.; SOUZA, A. V., LIMA, R. A.; Nordeste: economia e mercado de trabalho, Dossiê Nordeste I, Estud. Av. vol.11 no. 29. São Paulo Jan/Abr. 1997

Ainda segundo afirma Araújo (1997):

“Não é exagero afirmar que esse período foi uma época sem precedentes na história econômica do Nordeste, em que a região apresentou a mais elevada taxa média de crescimento do PIB no País. À exceção da fase do “Milagre Econômico”, em todos os demais períodos a região ou acompanhou ou apresentou dinamismo superior à média do País.” ARAUJO, T.B.; SOUZA, A. V., LIMA, R. A.; Nordeste: economia e mercado de trabalho, Dossiê Nordeste I, Estud. Av. vol.11 no. 29. São Paulo Jan/Abr. 1997.

Diante desses dados, Ítalo afirma que é totalmente plausível entrar com recursos. Para isso, é necessário que o interessado elabore um texto e encaminhe de acordo com os padrões exigidos pelo concurso:

recurso pm ba

MODELO DE RECURSO

GABARITO EXTRAOFICIAL
Os interessados podem verificar aqui o GabaritoExtraOficial que o AEP e o Alfacon elaboraram.

PORTUGUÊS: 1 – D; 2 – B; 3 – E; 4 – C; 5 – E; 6 – A; 7 – B; 8 – C; 9 – D; 10 – A
MATEMÁTICA: 11 – B; 12 – E; 13 – C; 14 – A; 15 – D
HISTÓRIA: 16 – A; 17 – C; 18 – E; 19 – D; 20 – B
GEOGRAFIA: 21 – D; 22 – D; 23 – E; 24 – A; 25 – A
ATUALIDADES: 26 – A; 27 – C; 28 – D; 29 – B; 30 – E
DIREITO CONSTITUCIONAL: 31 – A; 32 – D; 33 – E; 34 – B; 35 – D; 36 -C; 37 -E; 38 – A
DIREITOS HUMANOS: 39 – E; 40 – D; 41 – A; 42 – C; 43 – A; 44 – B; 45 – B; 46 – C
DIREITO ADMINISTRATIVO: 47 – B; 48 – C; 49 – D; 50 – A; 51 – E; 52 – A; 53 – C; 54 – D
DIREITO PENAL: 55 – A; 56 – E; 57 – B; 58 – C; 59 – A; 60 – D; 61 – D; 62 – E
IGUALDADE DE GÊNERO: 63  – C; 64 – A; 65 – B; 66 – A; 67 – E; 68 – D; 69 – C; 70 – B
PENAL MILITAR: 71 – C; 72 – A; 73 – A; 74 – D; 75 – B; 76 – E; 77 – D; 78 – E; 79 – B; 80 – C

GABARITO OFICIAL

Gabarito PM BA Soldado

Conheça os Cursos de Carreiras Policiais do Agora Eu Passo

saiba mais

Gabarito PM BA Bombeiro

PROVA DE SOLDADO RESOLVIDA

 

PROVA LIMPA

Conheça os Cursos de Carreiras Policiais do Agora Eu Passo

saiba mais

22 comentários sobre “Concurso PM BA: Divulgado Resultado com recursos passíveis

  1. Discordo da possibilidade do recurso na Questão 24.
    Autores como Milton Santos,Maria Laura, Éder Souza, Haesbaert, Celso Furtado e muitos outros consideram que a SUDENE foi uma falha. Além disso,afirmam que os investimentos e o capital da indústria de bens de consumo e automobilístico ficou todo na região Sudeste. A desindustrialização (nome dado ao processo lento, mas de industrialização do Norte e Nordeste) só de dá depois da década de 1970 (mais precisamente década de 1990).

  2. Sera que cabe recurso nas questões 11, que o testo não deixa claro a questão e as 36,38,44,49 e 80 que aparentemente tem mais de uma resposta correta ja que o testo não pede a mais correta?

    1. Bom dia Lu,
      só acrescentando:

      Considera-se com 30 anos, o candidato que tenha até 30 anos, 11 (onze) meses e 29 (vinte e nove) dias no ato da matrícula no Curso de Formação (essa é a idade máxima).

      #SomosTodosAEP
      #ColanoAEPqueésucesso

    1. Bom dia Wender
      Respondendo a sua dúvida:

      Idade entre 18 e 30 anos para fazer o Concurso.
      OBS.: Considera-se com 30 anos, o candidato que tenha até 30 anos, 11 (onze) meses e 29 (vinte e nove) dias no ato da matrícula no Curso de Formação (essa é a idade máxima).

      Qualquer dúvida estamos a disposição
      o/

    1. Bom dia Wender
      Respondendo a sua dúvida:

      Idade entre 18 e 30 anos para fazer o Concurso.
      OBS.: Considera-se com 30 anos, o candidato que tenha até 30 anos, 11 (onze) meses e 29 (vinte e nove) dias no ato da matrícula no Curso de Formação (essa é a idade máxima).

      Qualquer dúvida estamos a disposição
      o/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.