Concurso PM SP: publicado edital para aluno oficial

0
207

Foi publicado, no diário oficial do estado desta quinta-feira, 9 de dezembro, o edital do novo concurso PM SP (Polícia Militar do Estado de São Paulo) para o cargo de aluno oficial. A oferta é de 220 vagas, para ambos os sexos. Para concorrer é necessário possuir ensino médio, com remuneração inicial de R$ 3.310,13, incluindo o básico de R$ 1.262,23, regime especial de trabalho de R$ 1.262,23 e adicional de insalubridade de R$ 785,67. As inscrições serão recebidas no período de 15 de dezembro a 20 de janeiro.

Além da escolaridade, os interessados devem possuir idade mínima de 17 anos e até 30 anos, exceto para servidor dos quadros da PM SP e altura mínima de 1,60m para homens e 1,55m para mulheres.

Os interessados podem possuir tatuagem, exceto quando:

  • 2.1. divulgar símbolo ou inscrição ofendendo valores e deveres éticos inerentes aos integrantes da Polícia Militar;
  • 2.2. fizer alusão a ideologia terrorista ou extremista contrária às instituições democráticas ou que pregue a violência ou a criminalidade;
  • 2.2.2. discriminação ou preconceito de raça, credo, sexo ou origem;
  • 2.2.3. ideia ou ato libidinoso;
  • 2.2.4. ideia ou ato ofensivo aos direitos humanos

Concurso PM SP: saiba como se inscrever

As inscrições do concurso PM SP poderão ser feitas somente pela internet, na página eletrônica da banca organizadora, a Fundação Vunesp.

No primeiro dia, o acesso será permitido a partir das 10 horas, enquanto no último dia, até às 23h59.   A taxa será de R$ 130. Quem deixar a inscrição para o último dia poderá efetuar o pagamento da taxa até o primeiro dia útil seguinte.

Na ocasião, o candidato deve optar pelo local de aplicação das provas:

  • 6.3.1. Araçatuba;
  • 6.3.2. Bauru;
  • 6.3.3. Campinas;
  • 6.3.4. Piracicaba;
  • 6.3.5. Presidente Prudente;
  • 6.3.6. Ribeirão Preto;
  • 6.3.7. Santos;
  • 6.3.8. São José do Rio Preto;
  • 6.3.9. São José dos Campos;
  • 6.3.10. São Paulo;
  • 6.3.11. Sorocaba

Concurso PM SP: saiba como serão as provas

A aplicação das provas objetivas e redação do concurso PM SP está marcada para ocorrer no dia 20 de março, às 13 horas, com duração de quatro horas para a parte objetiva e duas para a dissertativa.

A parte objetiva contará com 80 questões, distribuídas da seguinte forma:

1.1.1. Ciências Humanas e suas Tecnologias – 20 (vinte)
questões, sendo:

  • 1.1.1.1. História: 6 (seis) questões;
  • 1.1.1.2. Filosofia: 4 (quatro) questões;
  • 1.1.1.3. Sociologia: 4 (quatro) questões;
  • 1.1.1.4. Geografia: 6 (seis) questões;

1.1.2. Linguagens e Códigos – 24 (vinte e quatro) questões, sendo:

  • 1.1.2.1. Língua Portuguesa e interpretação de texto: 18 (dezoito) questões;
  • 1.1.2.2. Língua Inglesa ou Espanhola: 6 (seis) questões;

1.1.3. Matemática e Ciências da Natureza – 30 (trinta) questões, sendo:

  • 1.1.3.1. Matemática: 12 (doze) questões;
  • 1.1.3.2. Física: 6 (seis) questões;
  • 1.1.3.3. Química: 6 (seis) questões;
  • 1.1.3.4. Biologia: 6 (seis) questões;

1.1.4. Conhecimentos Específicos – 6 (seis) questões, sendo:

  • 1.1.4.1. Noções de Administração Pública: 2 (duas) questões;
  • 1.1.4.2. Noções Básicas de Informática: 4 (quatro) questões.

A parte dissertativa constará de uma redação, na qual se espera que o candidato produza um texto dissertativo-argumentativo (em prosa), de acordo com a norma-padrão da língua portuguesa, a  partir da leitura e compreensão de textos auxiliares, que servem como um referencial para ampliar os argumentos produzidos pelo próprio candidato. Ele deverá demonstrar domínio dos mecanismos de coesão e coerência textual, considerando a importância de apresentar um texto bem articulado

Ao todo, a seleção contará com seis etapas, da seguinte forma:

  • 1.1.1. Prova Objetiva (Parte I), de caráter eliminatório e classificatório, visa a avaliar o conhecimento do candidato para  o desempenho das atribuições e versará sobre o conteúdo programático constante no “Anexo B”;
  • 1.1.2. Prova Dissertativa (Parte II), de caráter eliminatório e classificatório, visa a avaliar a capacidade do candidato de produzir uma redação que atenda ao tema e ao gênero/tipo de texto propostos, além de seu domínio da norma culta da língua
    portuguesa e dos mecanismos de coesão e coerência textual;
  • 1.2. Exames de Aptidão Física (Capítulo IX), de caráter eliminatório, visam a avaliar o desempenho físico do candidato, que deverá obedecer aos padrões exigidos para o cargo;
  •  1.3. Exames de Saúde (Capítulo X), de caráter eliminatório, os quais visam a avaliar as condições de saúde do candidato;
  • 1.4. Exames Psicológicos (Capítulo XI), de caráter eliminatório, visam a identificar características de personalidade, aptidão, potencial e adequação do candidato ao perfil psicológico estabelecido para o cargo;
  • 1.5. Avaliação da Conduta Social, da Reputação e da Idoneidade (Capítulo XII), de caráter eliminatório, visa à apreciação da conduta social, reputação e idoneidade do candidato, em sua vida pregressa e atual em todos os aspectos da vida em sociedade, quer seja social, moral, profissional, escolar, quanto à compatibilidade para o exercício do cargo;
  • 1.6. Análise de Documentos (Capítulo XIII), de caráter eliminatório, tem por finalidade analisar os documentos apresentados pelos candidatos para comprovação dos requisitos e condições para ingresso.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here