CONCURSO PRF: EDITAL ABERTO

1
12763

Com provas marcadas para Fevereiro, Edital da PRF foi publicado hoje!!!

Foi publicado hoje, 28/11/2019, o Edital para o concurso da PRF. A banca organizadora é a Cebraspe, antiga CESPE/UnB. Confira abaixo as principais informações do certame:

  • ÓRGÃO: Polícia Rodoviária Federal
  • ESTADO: Nacional
  • CARGO: Policial Rodoviário Federal
  • STATUS: Aberto
  • VAGAS: 500
    AC: 17 vagas
    AP: 28 vagas
    AM: 23 vagas
    BA: 17 vagas
    GO: 27 vagas
    MA: 18 vagas
    MT: 9 vagas
    MS: 35 vagas
    MG: 57 vagas
    PA: 81 vagas
    PI: 22 vagas
    RJ: 10 vagas
    RS: 74 vagas
    RO: 15 vagas
    RR: 23 vagas
    SP: 19 vagas
    TO: 25
  • NÍVEL: Superior
  • REMUNERAÇÃO: R $ 9.473,57
  • BANCA: Cebraspe/Cespe
  • DATA DA INSCRIÇÃO: 3 de dezembro de 2018 até o dia 18 de dezembro de 2018
  • VALOR DA INSCRIÇÃO: R$ 150,00.
  • DATA DA PROVA: 3 de fevereiro de 2019, no turno da tarde
  • NÚMERO DE QUESTÕES: 120
    Bloco 1 – 50 questões
    Bloco 2 – 40 questões
    Bloco 3 – 30 questões
  • FORMATO: Certo/Errado
  • PROVA DISSERTATIVA: Sim
  • VALIDADE DO CONCURSO: 30 dias, prorrogável, uma única vez, por igual período
Matérias

BLOCO I:

  • LÍNGUA PORTUGUESA
  • RACIOCÍNIO LÓGICO-MATEMÁTICO
  • INFORMÁTICA
  • FÍSICA
  • ÉTICA NO SERVIÇO PÚBLICO
  • GEOPOLÍTICA BRASILEIRA
  • HISTÓRIA DA PRF

BLOCO 2

  • TRÂNSITO

BLOCO 3

  • DIREITO ADM
  • DIREITO CONSTITUCIONAL
  • PENAL
  • PROCESSUAL PENAL
  • LEIS
  • DIREITOS HUMANOS

Conteúdo programático concurso PRF 2018/2019

BLOCO 1

LÍNGUA PORTUGUESA:

1 Compreensão e interpretação de textos de gêneros variados.

2 Reconhecimento de tipos e gêneros textuais.

3 Domínio da ortografia oficial.

4 Domínio dos mecanismos de coesão textual.

4.1 Emprego de elementos de referenciação, substituição e repetição, de conectores e de outros elementos de sequenciação textual.

4.2 Emprego de tempos e modos verbais.

5 Domínio da estrutura morfossintática do período.

5.1 Emprego das classes de palavras.

5.2 Relações de coordenação entre orações e entre termos da oração.

5.3 Relações de subordinação entre orações e entre termos da oração.

5.4 Emprego dos sinais de pontuação.

5.5 Concordância verbal e nominal.

5.6 Regência verbal e nominal.

5.7 Emprego do sinal indicativo de crase.

5.8 Colocação dos pronomes átonos.

6 Reescrita de frases e parágrafos do texto.

6.1 Significação das palavras.

6.2 Substituição de palavras ou de trechos de texto.

6.3 Reorganização da estrutura de orações e de períodos do texto.

6.4 Reescrita de textos de diferentes gêneros e níveis de formalidade.

7 Correspondência oficial (conforme Manual de Redação da Presidência da República).

RACIOCÍNIO LÓGICO-MATEMÁTICO:

1 Modelagem de situações-problema por meio de equações do 1º e 2º graus e sistemas lineares.

2 Noção de função.

2.1 Análise gráfica.

2.2 Funções afim, quadrática, exponencial e logarítmica.

2.3 Aplicações.

3 Taxas de variação de grandezas.

3.1 Razão e proporção com aplicações.

3.2 Regra de três simples e composta.

4 Porcentagem.

5 Regularidades e padrões em sequências.

5.1 Sequências numéricas.

5.2 Progressão aritmética e progressão geométrica.

6 Noções básicas de contagem e probabilidade.

7 Descrição e análise de dados.

7.1 Leitura e interpretação de tabelas e gráficos apresentados em diferentes linguagens e representações.

7.2 Cálculo de médias e análise de desvios de conjuntos de dados.

8 Noções básicas de teoria dos conjuntos.

9 Análise e interpretação de diferentes representações de figuras planas, como desenhos, mapas e plantas.

9.1 Utilização de escalas.

9.2 Visualização de figuras espaciais em diferentes posições.

9.3 Representações bidimensionais de projeções, planificações e cortes.

10 Métrica.

10.1 Áreas e volumes.

10.2 Estimativas.

10.3 Aplicações.

INFORMÁTICA:

1 Conceito de internet e intranet.

2 Conceitos e modos de utilização de tecnologias, ferramentas, aplicativos e procedimentos associados a internet/intranet.

2.1 Ferramentas e aplicativos comerciais de navegação, de correio eletrônico, de grupos de discussão, de busca, de pesquisa e de redes sociais.

2.2 Noções de sistema operacional (ambiente Linux e Windows).

2.3 Acesso a distância a computadores, transferência de informação e arquivos, aplicativos de áudio, vídeo e multimídia.

3 Redes de computadores.

4 Conceitos de proteção e segurança.

4.1 Noções de vírus, worms e pragas virtuais.

4.2 Aplicativos para segurança (antivírus, firewallanti-spyware etc.).

5 Computação na nuvem (cloud computing).

NOÇÕES DE FÍSICA:

1 Cinemática escalar, cinemática vetorial.

2 Movimento circular.

3 Leis de Newton e suas aplicações.

4 Trabalho.

5 Potência.

6 Energia cinética, energia potencial, atrito.

7 Conservação de energia e suas transformações.

8 Quantidade de movimento e conservação da quantidade de movimento, impulso.

9 Colisões.

 

ÉTICA NO SERVIÇO PÚBLICO:

1 Ética e moral.

2 Ética, princípios e valores.

3 Ética e democracia: exercício da cidadania.

4 Ética e função pública.

5 Ética no setor público.

5.1 Decreto nº 1.171/ 1994 (Código de Ética Profissional do Servidor Público Civil do Poder Executivo Federal).

GEOPOLÍTICA BRASILEIRA:

1 O Brasil político: nação e território.

1.1 Organização do Estado Brasileiro.

1.2 A divisão inter-regional do trabalho e da produção no Brasil.

1.3 A estrutura urbana brasileira e as grandes metrópoles.

2 Distribuição espacial da população no Brasil e movimentos migratórios internos.

3 A evolução da estrutura fundiária e problemas demográficos no campo.

4 Integração entre indústria e estrutura urbana, rede de transportes e setor agrícola no Brasil.

5 Geografia e gestão ambiental.

5.1 Macrodivisão natural do espaço brasileiro: biomas, domínios e ecossistemas.

5.2 Política e gestão ambiental no Brasil.

6 O Brasil e a questão cultural.

7 A integração do Brasil ao processo de internacionalização da economia.

8 O século XX: urbanização da sociedade e cultura de massas.

HISTÓRIA DA PRF:

Disponível no endereço https://www.prf.gov.br/agencia/policia-rodoviaria-federal-historia-em-detalhes/:

1 Polícia Rodoviária Federal: história em detalhes.

2 Grandes eventos esportivos.

3 Atualidade.

4 Tecnologia.

5 Trânsito.

6 Capacitação.

7 Ação especializada.

8 Áreas especializadas.

BLOCO 2

LEGISLAÇÃO DE TRÂNSITO:

1 Lei nº 9.503/1997 e suas alterações (institui o Código de Trânsito Brasileiro – CTB).

2 Decreto nº 4.711/2003(dispõe sobre a Coordenação do Sistema Nacional de Trânsito – SNT).

3 Resoluções do Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN) e suas alterações: 04/1998; 14/1998; 24/1998; 26/1998; 32/1998; 36/1998; 92/1999; 110/2000; 160/2004; 197/2006; 205/2006; 210/2006; 211/2006; 216/2006; 227/2007 (exceto os seus anexos); 231/2007; 242/2007; 253/2007; 254/2007; 258/2007; 268/2008; 273/2008; 277/2008; 289/2008; 290/2008; 292/2008; 349/2010; 356/2010; 360/2010; 371/2010 (exceto as fichas); 396/2011; 432/2013; 441/2013; 453/2013; 471/2013; 508/2014; 520/2015; 525/2015; 552/2015; 561/2015 (exceto as fichas); 573/2015; 598/2016; 619/2016; 624/2016; 643/2016; 720/2017; 723/2018; 735/2018.

BLOCO 3

NOÇÕES DE DIREITO ADMINISTRATIVO:

1 Noções de organização administrativa.

1.1 Centralização, descentralização, concentração e desconcentração.

1.2 Administração direta e indireta.

1.3 Autarquias, fundações, empresas públicas e sociedades de economia mista.

2 Ato administrativo.

2.1 Conceito, requisitos, atributos, classificação e espécies.

3 Agentes públicos.

3.1 Legislação pertinente.

3.1.1 Lei nº 8.112/1990 e suas alterações.

3.1.2 Disposições constitucionais aplicáveis.

3.2 Disposições doutrinárias.

3.2.1 Conceito.

3.2.2 Espécies.

3.2.3 Cargo, emprego e função pública.

4 Poderes administrativos.

4.1 Hierárquico, disciplinar, regulamentar e de polícia.

4.2 Uso e abuso do poder.

5 Licitação.

5.1 Princípios.

5.2 Contratação direta: dispensa e inexigibilidade.

5.3 Modalidades.

5.4 Tipos.

5.5 Procedimento.

6 Controle da Administração Pública.

6.1 Controle exercido pela Administração Pública.

6.2 Controle judicial.

6.3 Controle legislativo.

7 Responsabilidade civil do Estado.

7.1 Responsabilidade civil do Estado no direito brasileiro.

7.1.1 Responsabilidade por ato comissivo do Estado.

7.1.2 Responsabilidade por omissão do Estado.

7.2 Requisitos para a demonstração da responsabilidade do Estado.

7.3 Causas excludentes e atenuantes da responsabilidade do Estado.

8 Regime jurídico-administrativo.

8.1 Conceito.

8.2 Princípios expressos e implícitos da Administração Pública.

 

NOÇÕES DE DIREITO CONSTITUCIONAL:

1 Direitos e garantias fundamentais: direitos e deveres individuais e coletivos; direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade; direitos sociais; nacionalidade; cidadania e direitos políticos; partidos políticos; garantias constitucionais individuais; garantias dos direitos coletivos, sociais e políticos.

2 Poder Executivo: forma e sistema de governo; chefia de Estado e chefia de governo.

3 Defesa do Estado e das instituições democráticas: segurança pública; organização da segurança pública.

4 Ordem social: base e objetivos da ordem social; seguridade social; meio ambiente; família, criança, adolescente, idoso, índio.

 

NOÇÕES DE DIREITO PENAL E DE DIREITO PROCESSUAL PENAL:

1 Princípios básicos.

2 Aplicação da lei penal.

2.1 A lei penal no tempo e no espaço.

2.2 Tempo e lugar do crime.

2.3 Territorialidade e extraterritorialidade da lei penal.

3 O fato típico e seus elementos.

3.1 Crime consumado e tentado.

3.2 Ilicitude e causas de exclusão.

3.3 Excesso punível.

4 Crimes contra a pessoa.

5 Crimes contra o patrimônio.

6 Crimes contra a fé pública.

7 Crimes contra a Administração Pública.

 

DIREITO PROCESSUAL PENAL:

8 Inquérito policial.

8.1 Histórico, natureza, conceito, finalidade, características, fundamento, titularidade, grau de cognição, valor probatório, formas de instauração, notitia criminis, delatio criminis, procedimentos investigativos, indiciamento, garantias do investigado; conclusão.

9 Prova.

9.1 Preservação de local de crime.

9.2 Requisitos e ônus da prova.

9.3 Nulidade da prova.

9.4 Documentos de prova.

9.5 Reconhecimento de pessoas e coisas.

9.6 Acareação.

9.7 Indícios.

9.8 Busca e apreensão.

10 Prisão em flagrante.

 

LEGISLAÇÃO ESPECIAL:

1 Lei nº 10.826/2003 e suas alterações (Estatuto do Desarmamento).

2 Lei nº 5.553/1968 (apresentação e uso de documentos de identificação pessoal).

3 Lei nº 4.898/1965 (direito de representação e processo de responsabilidade administrativa, civil e penal, nos casos de abuso de autoridade).

4 Lei nº 9.455/1997 (definição dos crimes de tortura) 5 Lei nº 8.069/1990 e suas alterações (Estatuto da Criança e do Adolescente): Título II, Capítulos I e II, Título III, Capítulo II, Seção III, Título V e Título VII.

6 Lei nº 11.343/2006 (Sistema Nacional de Políticas Públicas sobre Drogas).

7 Lei nº 9.605/1998 e suas alterações (Lei dos Crimes contra o Meio Ambiente): Capítulos III e V.

8 Decretos nº 5.948/2006, nº 6.347/2008 e nº 7901/2013 (tráfico de pessoas).

 

DIREITOS HUMANOS E CIDADANIA:

1 Teoria geral dos direitos humanos.

1.1 Conceito, terminologia, estrutura normativa, fundamentação.

2 Afirmação histórica dos direitos humanos.

3 Direitos humanos e responsabilidade do Estado.

4 Direitos humanos na Constituição Federal.

5 Política Nacional de Direitos Humanos.

6 A Constituição brasileira e os tratados internacionais de direitos humanos.

—————————————————————————————
Cespe organizará o concurso PRF 2018/2019

O extrato da dispensa de licitação do concurso PRF foi publicado nesta sexta-feira, dia 19/10, no Diário Oficial da União. O edital poderá ser publicado a qualquer momento. Confira o documento:

Extrato licitação concurso PRF CESPE
Extrato licitação concurso PRF CESPE

O Portal de Compras do Governo Federal divulgou nesta quinta-feira (18) o resultado da dispensa de licitação para o concurso PRF, que terá como banca a Cebraspe. O fundamento legal, segundo o próprio site, é o Art. 24, XIII da Lei 8666/93, considerando a banca organizadora como “associação sem fins lucrativos voltada ao ensino, pesquisa científica, desenvolvimento tecnológico e institucional”.

Corporação se reúne para discutir distribuição das vagas do concurso PRF

Na última terça-feira (21) o sistema sindical dos PRFs, atendendo convite da Direção-geral da polícia, participou de reunião com o corpo diretivo do Departamento de Polícia Rodoviária Federal para tomar conhecimento dos critérios de distribuição das 500 vagas do próximo concurso, bem como para conhecer o teor da minuta de Lei Orgânica elaborada pela administração.

Dirigentes da Federação Nacional dos Policiais Rodoviários Federais (FenaPRF) e dos sindicatos estaduais se reuniram com o Diretor Executivo, Coordenadores e Superintendentes para tomar conhecimento do trabalho elaborado pela administração central.

Em relação à distribuição das 500 vagas previstas no concurso recentemente autorizado, a opinião unânime é de que não atenderão a contento nenhum estado. Todavia, os dirigentes do órgão explanaram que foi feita uma revisão na Instrução normativa 40, e que esta será tomada como base para a distribuição das 500 vagas, garantindo que todos os estados recebam um pequeno incremento em seus efetivos.

Foi confirmado ainda que um SISNAR será realizado antes da lotação dos novos policiais, para assegurar que o efetivo atual tenha a possibilidade de se movimentar para as lotações de interesse.

Quanto ao tema da minuta de Lei Orgânica, os dirigentes sindicais tomaram conhecimento do trabalho elaborado pelo DPRF. A despeito de diversos temas apresentados virem de encontro aos anseios da categorias, já expressos pelo sistema sindical, a exemplo da regulamentação da jornada de trabalho, os líderes classistas requisitaram um tempo para análise e estudo do texto, para a proposição de alterações.

O presidente da FenaPRF, Deolindo Carniel, agradeceu o convite realizado pela administração central e frisou que os temas não contaram com a participação oficial do sistema sindical até o momento, mas destacou que a FenaPRF e os sindicatos estaduais buscarão dar sua contribuição para que a categoria possa ser plenamente beneficiada.

Fonte: FenaPRF

Autorização do concurso PRF é publicada no DOU! Edital em breve!

Acabou a espera! Concurso PRF autorizado oficialmente! A publicação foi feita nesta sexta-feira, dia 27/07, no Diário Oficial da União. O novo certame visará o preenchimento de 500 vagas, de nível superior. O prazo para a publicação do edital de abertura do concurso público será de até 6 (seis) meses, contado a partir da
publicação desta Portaria.

 

Autorização concurso PRF

 

Portaria foi encaminhada para publicação

Segundo a unidade em que o protocolo do pedido de autorização do concurso PRF encontra-se atualmente, a portaria foi encaminhada/enviada para publicação no Diário Oficial da União. A tramitação, ocorrida na última quarta-feira, dia 25 de julho, oficializa a autorização do certame. Confira!

Protocolo da autorização do concurso PRF voltou a tramitar no Ministério do Planejamento e sofreu, ao todo, 9 movimentações em um dia. O processo foi reaberto para a inclusão do aumento de vagas e encontra-se, atualmente, na chefia de gabinete do MPOG para autorização e publicação. Em breve teremos novas novidades sobre o concurso. Confira:

Movimentação protocolo PRF - 9 movimentos em um dia

Ministro da Segurança Pública diz que edital do concurso PRF deve sair em junho

Raul Jungmann, ministro da Segurança Pública, informou, em uma coletiva feita na última sexta-feira, dia 15 de junho, que o limite para a publicação do edital do concurso PRF é no mês de junho. Segundo ele, ”eles têm o limite para junho. Então isso tem que sair em junho e deve sair em junho.” Questionado sobre a publicação da portaria, o ministro não soube informar quando será a publicação. O atraso com relação ao edital é por questões burocráticas. Confira o vídeo postado pela folha dirigida:

A Polícia Rodoviária Federal publicará novo edital do concurso PRF em breve. O protocolo está avançando e encontra-se, atualmente, na unidade Divisão de Concursos Públicos. A última movimentação ocorreu na última quarta-feira, dia 30 de maio. Confira:

Mais cinco movimentações ocorreram no dia 29 de maio, acelerando o processo para a publicação da portaria oficial de autorização no Diário Oficial da União. Veja:

O protocolo referente a autorização do certame teve dois avanços importantes nos dias 18 e 21 de maio de 2018, encontrando-se, atualmente, na unidade Divisão de Concursos Públicos. A previsão é que a autorização seja publicada nos próximos dias no Diário Oficial da União.
Confira:

Concurso PRF - protocolo movimenta

Edital poderá sair ainda no primeiro semestre

O Renato Dias, diretor-geral da PRF, respondeu um comentário, em suas redes sociais, que o concurso da PRF tem previsão de ser lançado ainda esse semestre.

Além disso, em uma outra resposta, Renato Dias, não confirmou que serão 500 novas vagas ou chamada de remanescentes.

Confira as resposta:


O concurso para a Polícia Rodoviária Federal é urgente e está cada vez mais próximo de acontecer. O processo de abertura do edital avançou no Ministério do Planejamento, indo parar no Departamento de Legislação e Provimento de Pessoas, no dia 11/02.

Acompanhe:


Quem sonha com o concurso PRF 2018 tem mais uma motivação. Após liminar do Supremo Tribunal Federal (STF), estão confirmados reajustes salariais para este ano e 2019. A remuneração do Policial Rodoviário Federal, que antes era no valor de R$ 9.501,98, passa este mês para R$ 10.357,88.

Em janeiro de 2019, o rendimento do policial subirá novamente, chegando a R$ 10.357,88.

O Concurso PRF obteve mais um passo necessário da Federação Nacional dos Policiais Rodoviários Federais (FenaPRF). Os sindicalistas se reuniram com o Senador Casio Cunha Lima para solicitar apoio em relação ao pedido do novo edital da PRF.

Segundo Ricardo Sá, diretor financeiro do Sindicato da PRF, o senador demonstrou estar preocupado com o fato de que 30% do quadro efetivo irá se aposentar.

ENTENDA TODO O PROCESSO DO SINDICATO

Em agosto desse ano, foi publicado no site da Federação Nacional dos Policiais Rodoviários Federais a informação de que a PRF solicitou um novo pedido de concurso, com 2.778 vagas, ao Ministério do Planejamento.

A PRF tem total interesse em realizar o curso de formação ainda em 2018, mas para isso, o concurso precisa ser publicado em breve.

A Federação Nacional dos Policiais Rodoviários Federais (FenaPRF) já apresentou estudos que colocam como ideal o efetivo de 15605 PRFs nas ruas. Atualmente, o efetivo é de 10320 policiais, bem abaixo do efetivo legal, de 13098.

Na solicitação, a PRF também encaminhou um pedido de autorização para que sempre ocorra um concurso quando o número de vagas disponíveis exceda 5% dos respectivos cargos.

COMO COMEÇOU A SOLICITAÇÃO DO CONCURSO

No início de maio, a PRF enviou um pedido,  ao Ministério da Justiça, de 1300 vagas para um novo Concurso. Na ocasião, o órgão contava com o apoio do ex-ministro da justiça, Osmar Serraglio, que reconhecia o déficit de servidores na polícia rodoviária federal.

A diretoria-geral do órgão deseja que a autorização para o novo concurso saia ainda esse ano. Segundo o presidente da Federação Nacional dos Policiais Rodoviários Federais (FenaPRF), Pedro da Silva Cavalcanti, a aposentadoria de 3.600 servidores do setor é um dos fatores preocupantes para que seja realizado o mais rápido possível um novo concurso.

“Com a reforma da previdência, a tendência é termos essas aposentadorias em massa, o que é preocupante, pois traria um colapso maior à PRF. Por isso, os concursos são necessários, não só para policial, como também para a área de apoio”, relatou Pedro. Além das aposentadorias, já há um déficit de funcionários no órgão de 2.500 servidores.

Não espere a liberação do edital para começar os estudos. Por ser um concurso muito concorrido, é primordial um tempo grande de preparo. Por isso, criamos um CURSO GRÁTIS para você iniciar logo seus estudos.

<<< ADQUIRA AQUI O CURSO GRÁTIS PRF >>>

SOBRE O STF E SUAS REIVINDICAÇÕES

Devido a falta de servidores policiais, o Governo Federal optou por autorizar a utilização da Força Nacional, cujo emprego é muito mais custoso em relação à utilização de Policiais Rodoviários Federais. Caso ocorra a proibição de atuação da Força Nacional nas estradas federais, cresce ainda mais a necessidade urgente do aumento de efetivo da PRF.

O pedido de intervenção do judiciário foi realizado pelo sindicato SINPRF/RJ, em parceria com CONACATE, o que deu força ao andamento do processo.

O STF pode acelerar o processo do Concurso PRF devido a inconstitucionalidade da utilização da guarda nacional em carácter fixo nas Rodovias Federais no Estado do Rio de Janeiro, que está retirando a responsabilidade da Polícia Rodoviária Federal.

SOBRE O CARGO

Para ser um Policial Rodoviário Federal (Agente) é exigido ensino superior completo, comprovado pelo MEC; carteira de habilitação a partir da categoria B e aprovação nas etapas: prova objetiva, exame discursivo, testes de capacidade física, avaliação de saúde, avaliação psicológica, investigação social e análise de títulos.

SALÁRIO E CARGA HORÁRIA

O PRF tem remuneração inicial de R$ 9.931,57, já contabilizado o reajuste salarial de lei nº 13.371, publicado no Diário Oficial da União (DOU).
Esse valor aumentará para R$ 10.357,88 em 2019, ano em que, segundo expectativas, os candidatos do novo concurso serão convocados. Além do salário, o servidor também recebe um auxílio alimentação que, atualmente, está no valor de R$ 458,00

Salarios PRF Hoje

Se você quer ter estabilidade financeira, altos ganhos mensais e sonha com a carreira policial, esse concurso é o ideal. Estude de forma completa e com conteúdos atualizados para obter um excelente desempenho na prova.

<<< ADQUIRA AQUI O CURSO PRF >>>

Elaboramos um Plano de Estudos com o Prof Fábio Lobo para que você possa se planejar adequadamente e consiga maximizar o tempo que ainda resta.

Aproveite e se inscreva em nossa SEMANA INAUGURAL DO CURSO PRESENCIAL, com transmissão AO VIVO das carreiras policiais

<<< ASSISTA AO VIVO AQUI O CURSO PRESENCIAL – CARREIRAS POLICIAIS >>>

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here