Concurso TCM BA: edital aberto!

0
830

O edital do concurso TCM BA foi publicado no último sábado, dia 13/01. O certame é para o provimento de vagas nos cargos de Auditor Estadual de Controle Externo e de Auditor Estadual de Infraestrutura. O concurso será organizado pela Cebraspe/Cespe UNB.

Serão 8 vagas para o cargo de Auditor Estadual de Controle Externo, sendo que 02 estão reservadas para candidatos negros. Já para o cargo de Auditor Estadual de Infraestrutura, serão 02 vagas.

>> CURSO CARREIRA TRIBUNAL ANUAL <<

Inscrições

As inscrições para o concurso TCM BA começam a partir das 10h do dia 19/01, seguindo até às 18h (horário oficial de Brasília-DF) do dia 19/02. As inscrições poderão ser realizadas apenas via internet, pelo endereço eletrônico da banca organizadora. O valor da taxa de inscrição está fixada em R$ 160,00.

Fases do concurso TCM BA

A seleção para os cargos compreenderá as seguintes fases:
a) prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório;
b) prova discursiva, de caráter eliminatório e classificatório;
c) avaliação de títulos, de caráter classificatório.

A prova objetiva, a prova discursiva, a avaliação de títulos, o procedimento de verificação da condição declarada para concorrer às vagas reservadas aos candidatos negros e a perícia médica dos candidatos que se declararam com deficiência serão realizadas na cidade de Salvador/BA.

Prova Objetiva

Duração: 5h
Será aplicada na data provável de 8 de abril de 2018, no turno da tarde. Todas as folhas de respostas da prova objetiva serão corrigidas por meio de processamento eletrônico.

A nota em cada questão da prova objetiva, feita com base nas marcações da folha de respostas, será igual a: 1,00 ponto, caso a resposta do candidato esteja em concordância com o gabarito oficial definitivo das provas; 0,00, caso a resposta do candidato esteja em discordância com o gabarito oficial definitivo das provas, não haja marcação ou haja marcação dupla.

O cálculo da nota em cada prova objetiva, comum às provas de todos os candidatos, será igual à soma das notas obtidas em todas as questões que a compõem. Será reprovado na prova objetiva e eliminado no concurso público o candidato que obtiver nota inferior a 60,00 pontos.

Prova Discursiva

Duração: 3h
Será aplicada na data provável de 13 de maio de 2018, no turno da manhã. A prova discursiva valerá um total de 40,00 pontos e consistirá de:
a) duas questões discursivas, valendo 10,00 pontos cada, a serem respondidas em até 20 linhas cada, acerca dos conhecimentos específicos de cada cargo;
b) um estudo de caso, valendo 20,00 pontos, a ser respondido em até 50 linhas, acerca dos conhecimentos específicos de cada cargo.

>> CURSO CARREIRA TRIBUNAL ANUAL SAIBA MAIS <<

Cargos

Auditor Estadual de Controle Externo
Requisitos:
 diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de nível superior em Administração, Ciências Contábeis, Ciência da Computação e Informática, Direito ou Economia, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC).
Atribuições: desenvolver atividades auditoriais de nível superior; coordenar, supervisionar e executar serviços de auditoria; elaborar estudos, pesquisas e informações de caráter transdisciplinar; emitir pareceres e relatórios conjuntos nas áreas jurídica, contábil, financeira, econômica, administrativa, de tecnologia da informação e de planejamento.
Remuneração: R$ 11.317,17.
Jornada de Trabalho: 
40 horas semanais.

Auditor Estadual de Infraestrutura
Requisitos:
 diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de nível superior em Engenharia Civil ou Arquitetura, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC, acrescido de experiência de três anos de atividade comprovada na área.
Atribuições: desenvolver atividades auditoriais de nível superior; coordenar, supervisionar e executar serviços de auditoria na área; elaborar estudos, pesquisas e informações de caráter transdisciplinar; emitir pareceres e relatórios conjuntos nas áreas de engenharia e arquitetura.
Remuneração: R$ 11.317,17.
Jornada de Trabalho: 40 horas semanais.

Requisitos para a candidatura

Ser aprovado no concurso público;
Ter a nacionalidade brasileira ou portuguesa e, no caso de nacionalidade portuguesa, estar amparado pelo estatuto de igualdade entre brasileiros e portugueses, com reconhecimento do gozo dos direitos políticos, nos termos do § 1º do art. 12 da Constituição Federal.
Estar em gozo dos direitos políticos;
Estar quite com as obrigações militares, em caso de candidato do sexo masculino;
Estar quite com as obrigações eleitorais;
Possuir os requisitos exigidos para o exercício do cargo;
Ter idade mínima de 18 anos completos na data da posse;
Ter aptidão física e mental para o exercício das atribuições do cargo;
O candidato deverá declarar, na solicitação de inscrição, que tem ciência e aceita que, caso aprovado, deverá entregar os documentos comprobatórios dos requisitos exigidos para o cargo por ocasião da posse.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here