Chute consciente quando dá aquele branco na hora da prova?

0
1759

Dicas para quando der aquele “branco” na hora da prova

Todo mundo sabe – ou deveria saber – que para conseguir a tão sonhada aprovação é necessária muita dedicação nos estudos. Ter rotina, seguir o cronograma, assistir às aulas e fazer exercício é o caminho para conseguir uma boa nota.

Porém, sabemos que na hora da prova pode haver algo para atrapalhar. Ansiedade e nervosismo são inevitáveis e podem afetar o resultado.  Neste momento, é possível que dê o temido “branco”, aquela sensação já conhecida de que você conhece o assunto, mas não lembra a resposta. É desesperador! E aí a esperança da aprovação some aos poucos.

Acalme-se! É hora de respirar fundo! Se isso, por acaso, acontecer com você, saiba que existe o chute consciente e o professor Lucas Neto, ex-servidor do Ministério Público, explica o que é e o que você deve fazer:

Prova Cebraspe:

A prova pode ter de 60 a 180 questões dependendo do concurso. A banca tem uma característica conhecida pelos concurseiros, as questões têm média de 50% certas e 50% erradas.

Vamos imaginar que sua prova tem 120 questões. Do total, 20 você não sabe a resposta. Das outras 100, você responde, com certeza, 70 delas. O que sobrar, você arrisca. Antes de marcar o gabarito, analise as respostas e questões considerando o percentual de 50%.

Essa técnica também é válida para as bancas que usam o modelo de múltipla escolha, como Cesgranrio, Esaf e FCC, porém, os valores para cada alternativa mudam: 25%.

Para este formato, é possível utilizar a técnica de observar a repetição das palavras nas alternativas. Exemplo:

  1. Ana, Paulo, Jorge e Luiza
  2. Leonardo, João, Paulo e
  3. Luiza, Ana, Paulo e João.                     
  4. Maria, Leonardo, Ana e Mateus
  5. Ana, Maria, João e Jorge.

Observando as alternativas, é possível notar que a letra c apresenta nomes que apareceram em outras opções, isso significa que provavelmente seja a correta. Outra dica que pode ser útil é começar por questões mais fáceis e deixar aquelas que você não sabe para o fim. Quando chegar o momento de responde-las, tente a técnica da eliminação: descarte as alternativas que você acredita estarem erradas e escolha, por fim, aquela que compreender melhor.

Você deve saber que as dicas não substituem os estudos. Para ser aprovado é preciso dedicação e foco. Usar essas técnicas para fazer a prova inteira, torna praticamente nula a chance de ter bom resultado. As dicas servem apenas para ajudar no momento da dúvida. O AEP espera, claro, que isso não aconteça com você. Boa prova!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here