Concurso PRF: “edital sai na segunda quinzena de janeiro”, confirma diretora de pessoal

1
1020

A publicação do edital de abertura de inscrições do aguardado concurso PRF (Polícia Rodoviária Federal) ocorrerá na segunda quinzena de janeiro. A confirmação foi feita nesta segunda-feira, 4 de janeiro, pela diretora de gestão de pessoas da corporação, Silvia Borges, por meio das redes sociais. É importante lembrar que o diretor-executivo da PRF, José Lopes Hott Junior, anunciou que na próxima quarta-feira, dia 6, será realizado um evento para anunciar o cronograma oficial do certame, incluindo data de publicação do edital e prazo de inscrições. A aplicação das provas deve ocorrer ainda no primeiro semestre.

A liberação do edital depende apenas de um último entrave, que deve ser superado a qualquer momento: a assinatura do contrato com a banca, o Cebraspe. O documento de dispensa de licitação confirmando a empresa foi publicado no último dia 31 de dezembro.

Ao todo serão oferecidas inicialmente 1500 vagas para o cargo de policial rodoviário. Para concorrer é preciso possuir formação de  nível superior em qualquer área, além de carteira de habilitação a partir da categoria “B”. A remuneração inicial  é de R$ 10.357,88, já considerando o auxílio-alimentação de R$ 458,00

Além das 1.500 vagas iniciais, a intenção é de que sejam convocados mais 500 aprovados durante o prazo de validade, no sentido de completar as 2000 oportunidades inicialmente anunciadas pelo presidente Jair Bolsonaro. O documento de dispensa de licitação, publicado em 31 de dezembro, já especifica que, além das oportunidades iniciais, a seleção também será para formar cadastro reserva de pessoal.

Concurso PRF: saiba como foi a seleção anterior

O último edital do concurso PRF para policial rodoviário federal, realizado em 2018, contou com uma oferta de 500 vagas, sendo organizado pelo Cespe/UNB, atual Cebraspe. A seleção contou com provas objetivas, dissertativas, exames de capacidade física, exames de saúde, avaliação psicológica análise de títulos, investigação social e curso de formação.

A parte objetiva contou com 120 itens, versando sobre língua portuguesa, raciocínio lógico-matemático, informática, noções de física, ética no serviço público, geopolítica brasileira, legislação de trânsito, noções de direito administrativo, noções de direito constitucional, noções de direito penal e processual penal, legislação especial e direitos humanos e cidadania.

O concurso PRF foi dividido em duas fases, sendo que a primeira foi dividida em várias etapas:

  • 1ª fase: Prova objetiva e Discursiva; Exame de capacidade física; Avaliação de Saúde
    Avaliação psicológica; Avaliação de títulos; Investigação Social;
  • 2ª fase: Curso de Formação Profissional.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here