PLANO DE ESTUDOS PARA INICIANTES – PC/PE

9
21510

Meus queridos, elaborei um plano de estudos para quem vai iniciar a sua preparação para o concurso da PC/PE. Esse plano pode ser implementado e modificado dependendo da sua realidade, então deixo a sua escolha como você quer seguir. Darei aqui um norte para que você possa se basear nas matérias e quantidade de horas que deve estudar por dia. O plano é baseado nas matérias contempladas no último edital. Caso o edital saia e modifique alguma coisa, farei outra postagem de acordo. Esse é um plano simples, que até quem estuda mais tempo pode basear-se. Mais lá na frente, colocarei aqui outros modelos de plano de estudos e farei um voltado para os mais antigos.
O concursando poderá adaptar o plano de estudo de acordo com sua realidade, lembrando somente que costumo colocar um tempo mínimo de estudo em casa que somado ao curso preparatório será o suficiente para a aprovação.
Sem mais delongas vamos ao plano de estudo:

TABELA DO PLANO DE ESTUDO
 

TABELA 01 – INÍCIO

PLANO DE ESTUDOS SIMPLES PC PE

TABELA 02 – ACRÉSCIMO DE EXERCÍCIOS

PLANO DE ESTUDOS SIMPLES PC PE EX

INSTRUÇÕES:

☑ Esse plano de estudo é básico e é para iniciantes. A primeira linha diz respeito ao tempo de estudo e a primeira coluna é simplesmente uma referência para ser seguida. Dessa forma, o aluno começa a estudar português, depois Raciocínio Lógico (RLM), administrativo, constitucional e pula imediatamente para a linha abaixo em que estudará informática. Assim, o concursando vai passando todas as fases até chegar a fase 05, depois disso é adaptar a tabela a sua realidade, ou se você gostou da formatação deve seguir a fase 01 novamente e recomeçar o plano de estudo.

 No início o aluno deve estudar duas matérias por dia + o curso preparatório.
Dessa forma, o concursando ficará com 4 horas dias de estudo mais o suporte do curso preparatório. Assim, caso você coloque como média o mínimo, ou seja, 2 horas diária, terá que dobrar esse tempo de estudo e cortar pela metade o tempo da tabela, ou seja, estudar 1 hora cada matéria. Por outro lado, se você tem muito tempo ocioso, você pode subir o tempo de estudo, ou seja, 3 horas, 4 horas por matéria, mas lembrando sempre que o máximo são 2 matérias por dia.

 Tente passar 2 vezes pela tabela somente com conteúdo de matéria, deixe a resolução de exercícios e de provas anteriores para quando você tiver alguma base de estudo. (Dai você passa para a tabela 02, onde fará exercícios das matérias estudadas no dia depois de ter visto o conteúdo. Ex: PORT + exercícios. Estuda o conteúdo de port. e depois faz exercício referente à matéria. Divida da seguinte forma: 1h de conteúdo + 1h de exercícios, totalizando as 2h) Dessa forma, ao passar 2 vezes pela tabela, você terá uma base mínima, ou seja, 80 horas de estudo em casa mais o suporte do curso preparatório.

 As duas horas por matérias devem ser seguidas a risca e você concursando deve estudar as duas matérias por dia + resolução de exercícios aos sábados sobre os assuntos que estudou durante a semana, refazendo também os exercícios feitos durante a semana quando começar a seguir a tabela 02 e fazer simulados aos domingos, pois o edital está preste a sair e não poderemos nos dar ao luxo de perder um concurso desse vulto.

 Pelo plano que fiz a cada 4 dias você repete a matéria que estudou no início do plano de estudo, dessa forma, as matérias ficarão sempre vivas na sua mente. Não adianta nada tentar “fechar” uma matéria para depois estudar outra, pois assim você ficará vários meses sem estudar algumas matérias e estudará demais outras e quando voltar na matéria que “fechou” já não se lembrará de nada. Então vai a dica: Estude de forma que reveja a matéria em curtos espaços de tempo. Assim, todas estarão em sua cabeça no dia da prova.

 Após uma ou duas passadas na tabela você já estará apto a efetuar exercícios e elaboração de resumos (ver tabela 02). Lembrando que a tabela é somente para referência e você poderá adaptá-la a sua realidade.

 As matérias de português e RLM foram privilegiadas nessa primeira tabela, pois ficaram com uma carga horária superior as demais. Isso se deu pois a carência dos concursandos estão ali previstas. Acreditem ninguém sabe português a ponto de “acertar 80%” da provas, tampouco chegar a “gabaritar” as questões. Então, estude essas com mais afinco e se puder, pois o maior número de questões está nessa matéria!

Essa tabela de estudo é o ponto inicial para que o concursando consiga se organizar e não fique perdido com o material de estudo em casa e evita também o efeito “só estudo o que gosto e não estudo o que não gosto”. Esse efeito é comum ao concursando que está no inicio da preparação, pois ele tem a tendência de abandonar as matérias que não tem domínio ou que são de difícil entendimento e só estuda as mais fáceis. Esse e outros erros comuns serão eliminados com essa tabela de estudo.


 

9 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here